quarta-feira, 24 de julho de 2013

Panturrilhas!

Olá!

Quarta é dia de post do blog do OSP! E a matéria que escolhi para hoje é sobre a importância de malhar a musculatura da panturrilha!!!  O texto é bem interessante e informativo! Vale a pena conferir!


PANTURRILHA!


O máximo de ganho  que se pode ter na musculatura da panturrilha, com treinos regulares, é 1 ou 2cm. Verdadeiro ou falso? FALSO, falso e além de falso, CANALHA, porque induz leigos ao erro de achar que se quiser aumentar sua panturrilha precisam de cirurgia plástica.
Vamos conhecer a musculatura da panturrilha para entender melhor como ela funciona. A panturrilha, chamada tecnicamente de Tríceps Sural e popularmente de “batata da perna”, é composta por três músculos: sóleo (usado para estender e rodar o pé) e os gastrocnêmios (sendo este dividido medial e lateral), que é o músculo mais aparente, usado para realizar flexão plantar. O sóleo é encoberto pelo gastrocnêmio. A lenda de que panturrilha depende exclusivamente de genética nasceu porque a musculatura desta região tem uma “composição” (muitas aspas aqui) diferente, com maior quantidade de fibras vermelhas (menos sujeitas à hipertrofia) e menor quantidade de fibras brancas (mais propensas à hipertrofia).
Ok, a musculatura da panturrilha é mesmo um pouco mais difícil de trabalhar. Geralmente demanda um trabalho diferenciado. Mas VEJA bem, isso não quer dizer que não possam ocorrer ganhos com hipertrofia. VEJA, caro Leitor, dizer que qualquer pessoas do mundo, com qualquer biotipo, com qualquer treino só conseguirá 1 ou 2 cm de resultado só pode ser matéria paga por um cirurgião. Eu tenho esse defeito, ser extremamente honesto: é MENTIRA.
Pergunta rápida: você dá a mesma atenção à sua panturrilha que dá ao seu bíceps ou aos glúteos? Provavelmente não. As pessoas tendem a negligenciar a panturrilha, justamente por esse tipo de lenda urbana, acreditando que é inútil treinar este músculo. Você muda periodicamente os estímulos dados à panturrilha, ou faz dez anos que faz pontinha de pé no leg press? Para ganhar massa muscular o ideal é fazer mais de um exercício para cada grupamento (em alguns casos eu recomendo até 3 ou 4). Você conhece a execução adequada dos exercícios de panturrilha? Cuidado, pode ser que na verdade você esteja trabalhando mais quadríceps (coxa) do que panturrilha.
Para uma solicitação do sóleo, é preciso fazer movimentos de flexão dos pés com os joelhos dobrados. Já para solicitar os gastrocnêmios o ideal é fazer flexão dos pés com os joelhos estendidos. Seja sincero, não minta para mim, você faz pelo menos dois exercícios de panturrilha com joelhos estendidos e dois com joelhos flexionados? Se a resposta é “não”, então não culpe a genética.
Um diferencial importante no treino de panturrilha é a posição das pernas e a execução do movimento. Quando o exercício pedir joelhos estendidos, os joelhos tem que estar ESTENDIDOS. Muita gente, na sede de aumentar a carga, coloca um peso que não consegue suportar até o final e acaba de alguma forma flexionando os joelhos. Outro erro comum: negligenciar a importância da amplitude do movimento. O movimento tem que ser o mais amplo possível, ou seja, estende bem o pé e volta o máximo que puder, de preferência, de forma lenta. Mas, novamente, quem se apressa em colocar muita carga, acaba fazendo movimentos curtos e compromete os resultados. Faça movimentos lentos, sobretudo na “volta” ou “descida” (fase excêntrica). Sim, você vai sentir queimar. E sim, isso é normal. Com o tempo, varie os exercícios e o estímulo, faça exercícios isométricos, excêntricos e outras derivações. Lembre-se, o corpo se acostuma aos estímulos e em poucas semanas eles não produzem mais resultados.
Também temos que levar em conta que nossa panturrilha é músculo de alta resistência, pois suporta todo santo dia nosso peso cada vez que caminhamos. Papo técnico: é um músculo responsável pelo equilíbrio ortoestático e por isso está em constante contração isométrica. Em bom português, ela trabalha o dia inteiro, por isso, um exercício “mais ou menos” não vai dar conta de fornecer um estímulo suficiente para sua hipertrofia. Para piorar, é comum que o treino de panturrilha seja colocado no final da série, quando o aluno já está exausto. Se panturrilha é sua prioridade, deve ser seu primeiro exercício.
Só uma pergunta: quem foi que inventou que o número karmico para malhar panturrilha é 20? Porque essa tara irracional de prescrever sempre 20 repetições quando o exercício é de panturrilha? Saiba que não existe um “número correto” de repetições, tudo vai depender do estímulo, do peso e do aluno.
Para finalizar, quero que vocês saibam que malhar a panturrilha não é apenas questão de estética, é também benéfico para sua saúde. A panturrilha exerce importante papel na circulação. Tão importante, que é chamada de “segundo coração”, pois é fundamental na hora de impulsionar o sangue venoso de volta para o coração, podendo até prevenir a formação de coágulos e consequentemente, um derrame. Por isso, pessoas com problemas circulatórios são encorajadas a praticar atividades físicas com ênfase na panturrilha.

Então, VEJA bem, é possível conseguir ganhos de panturrilha superiores a 1 ou 2 cm SIM. Muito cuidado com que se lê por aí em revistas de grande circulação

.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•

REFEIÇÕES


Café da Manhã – 06h
- ½ copo de água com ½ limão com 02 tampinhas de suco de aloe e vera
- suco de abacaxi com salsinha, couve, gengibre, banana verde e 02 cápsulas de psillium

Lanche da Manhã - 09h
- 01 mexerica
- 01 colher de sopa de semente de abobora

Almoço - 11:45
- salada: alface, cenoura e brocolis
- 01 colher de servir de arroz integral
- frango desfiado

Lanche da Tarde - 16:30
- 03 fatias abacaxi
17h
- 02 Bis
- 01 bombom Ouro Branco

Jantar - 18:30
- salada de alface, cenoura e brocolis com frango desfiado

Jogo Galo - 21h as 23:45
- espumante
- provolone, azeitona e pimenta biquinho
- frango ao cubos ao molho

9 comentários:

  1. Eu nunca esqueco essa parte, os homens e que tem desanimo disso gostam so de malhar bracos kkk
    Eu ja observei em algumas mulhere q a panturrilha delas sao enormes , mas sao mulheres q nao parece fazer atividade fisica, alguma coisa no dia a dia contribui para isso.
    Otima quarta

    ResponderExcluir
  2. Essa questão genética tem grande representatividade, sim! Eu tenho as panturrilhas idênticas às do meu pai, e nem gosto pois são muito definidas, parece que estão o tempo todo contraídas. Tem gente que valoriza, mas eu não dou a mínima. Trocaria facilmente as panturrilhas por biceps definido, rsrs.

    Mas o fato da genética ter grande peso, não significa que seja impossível ter uma panturrilha definida só fazendo ginástica. Todo músculo que é exercitado hipertrofia.

    ResponderExcluir
  3. Se eu tivesse apostado q tu é ariana, teria ganhado :) A Clau e minha melhor amiga são arianas e tem muito em comum contigo... Esse jeito atucanado de ser :P
    Beijão

    ResponderExcluir
  4. mjenina do céu, minha panturrilha ficou muito melhor depois de eu malhar a panturrilha, adorei
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Jo do céu! Amei o artigo! Nunca tinha lido sobre o tal! Vou até investir mais nesse músculo. Minha panturrilha não é lá gdes coisas. hahaha
    Beijosss

    ResponderExcluir
  6. O médico da minha mãe tinha comentado com ela sobre a panturrilha ser o segundo coração... achei muito legal o artigo!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Adoooro o momento OSP (:

    Estamos começando algo bem legal: Projeto Verão 2014
    dá uma olhada:
    http://desapegafastfood.blogspot.com.br/p/projeto-verao-2014-sem-medo-e-sem.html

    ajuda a divulgar?

    beijo

    http://desapegafastfood.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Conheci teu blog a pouco tempo mas já li vários posts, gostei bastante! Eu comecei uma dieta a poucos dias aliada a academia, e criei um blog-diário onde irei contando o que como, minha perda de peso e dia-a-dia. Para quem quiser dividir sua história e acompanhar - http://projetodudagostosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir